Milhares de pessoas vão às ruas em Boston nos Estados Unidos para protestar contra o racismo

0
421
BOSTON, MA - AUGUST 19: Thousands of protesters prepare to march in Boston against a planned 'Free Speech Rally' just one week after the violent 'Unite the Right' rally in Virginia left one woman dead and dozens more injured on August 19, 2017 in Boston, United States. Although the rally organizers stress that they are not associated with any alt-right or white supremacist groups, the city of Boston and Police Commissioner William Evans are preparing for possible confrontations at the afternoon rally. Spencer Platt/Getty Images/AFP == FOR NEWSPAPERS, INTERNET, TELCOS & TELEVISION USE ONLY ==

Manifestações antagônicas motivaram a mobilização de centenas de policiais

Manifestantes organizaram ato contra comício pela ‘Liberdade de Expressão’ promovido por porta-vozes da extrema-direita

BOSTON – Milhares de pessoas em Boston, nos Estados Unidos, fizeram protestos neste sábado, 19,  contra um comício de “liberdade de expressão”, promovido por porta-vozes da extrema-direita. As manifestações antagônicas motivaram a mobilização de centenas de policiais para evitar confrontos como aquele que resultou na morte de uma mulher na manifestação de supremacistas brancos na Virgínia, na última semana.

O número de manifestantes aumentou exponencialmente quando a marcha, com milhares de pessoas, chegou ao parque Boston Commom. Aproximadamente 500 policiais colocaram barricadas para evitar que veículos entrassem no parque, o mais velho da nação. Para manter os dois grupos separados, também foi construído um cordão em volta do local do comício.

Os confrontos violentos da semana passada em Charlottesville, Virgínia, onde uma mulher foi morta em um atropelamento após batalhas sangrentas nas ruas, acentuaram tensões raciais já inflamadas por grupos de supremacia branca marchando mais abertamente em comícios pelos Estados Unidos.