Comissão na Câmara aprova fim das coligações partidárias já para 2018

0
417
Foto: José Cruz/Agência Brasil 04/09/2014- Brasília- DF, Brasil- O presidente do TSE, Dias Toffoli, conclui a assinatura digital e lacração dos sistemas eleitorais que serão usados nas eleições de outubro.

Com isso, as coligações proporcionais ficaram proibidas já nas próximas eleições

A Comissão Especial da PEC 282/2016 aprovou na tarde desta quarta-feira, 23, um destaque que antecipa já para as eleições de 2018 o fim das coligações proporcionais. A medida estava prevista inicialmente apenas para o pleito de 2020 em diante.

A proposta foi apresentada por meio de destaque do deputado Esperidião Amin (PP-SC) após a aprovação do texto-base. Em votação nominal, a sugestão foi aprovada pela maioria dos deputados da comissão (18 a 11). Com isso, as coligações proporcionais ficaram proibidas já nas próximas eleições.

O deputado Chico Alencar (PSOL) votou a favor da proposta, mas disse, durante os debates, que a proposta foi aprovada por um acordo feito de última hora pelos partidos. “O PSOL não participou de nenhum acordo nesse sentido”, explicou antes de declarar a orientação da legenda.

Portal no Ar