Prefeitura de cidade do RN anuncia demissão de todos os cargos comissionados

0
484

Segundo o prefeito, a motivação para o ato é a queda nas receitas. Todos serão demitidos;  leilão de bens inservíveis foi outra ideia discutida durante reunião com vereadores

A Prefeitura de Macau, na região da Costa Branca, anunciou que vai exonerar na próxima terça-feira, 31, todos os servidores que ocupam cargos comissionados no município. Segundo a administração municipal, a motivação para o ato é a queda nas receitas. Serão 290 servidores demitidos.

A medida foi anunciada na última quarta-feira, 25, durante uma reunião do prefeito Túlio Lemos (PSD) com os oito vereadores que compõem a base governista na Câmara Municipal.

Na oportunidade, o prefeito também informou que, em breve, um cronograma de pagamento de salários atrasados de servidores comissionados e contratados será anunciado.

O líder do governo na Câmara, vereador Carlinhos do Valadão (PRB), disse que a decisão de cortar gastos com pessoal e suspender a contratação de novas depesas foi consensual.

“Posteriormente, será contratado o mínimo de pessoal necessário para garantir o atendimento básico à população em áreas como educação, saúde e assistência social”, explicou.

Outras medidas para proporcionar melhor equilíbrio financeiro ao Município de Macau também foram propostas pelos vereadores e acatadas pelo Executivo, a exemplo da venda de prédios e terrenos. O leilão de bens inservíveis (sucata de motos, ambulâncias, ônibus e outros veículos) foi outra ideia discutida e acatada na reunião. Uma comissão com representantes do Poder Legislativo acompanhará a aplicação das medidas anunciadas.

“O município precisava dessas medidas. A demissão de todos os cargos comissionados é necessária nesse momento de crise. Todos estão fazendo esse esforço, cortando na própria carne”, avaliou o vereador Jairton Medeiros “Pintinho” (PCdoB), presidente da Câmara Municipal.

“São medidas drásticas, duras, mas inevitáveis. A crise financeira impõe aos gestores posições que naturalmente por vontade própria eu não tomaria. Somente com a redução do custeio da máquina, associada a essas demissões de todos os comissionados, vamos chegar ao equilíbrio nas contas públicas”, afirmou Túlio Lemos.

O prefeito também informou que todos os contratos de locação de imóveis, veículos e serviços sofrerão redução nos custos para se adequar a nova realidade do município.

Além de “Pintinho” e Carlinhos Valadão, participaram da reunião com o prefeito Túlio Lemos os vereadores Dyana Lira (PHS), Lampião (PP), Marcos Cabral (SD), Dinarte Alessandro (PRB), Sargento Dantas (PP) e Ceição Lins (PSD).

Fonte: Agora RN