Potiguar de 10 anos arranca aplausos do público em vaquejadas pelo Nordeste

0
113

Segundo o pai dele, Aécio Costa Morais, o gosto pela vaquejada começou aos oito anos

A próxima disputa de Xande deverá ser em abril, no parque Raimundo Melo, durante a vaquejada de Santa Luzia, na Paraíba

Aos 10 anos de idade, o estudante do 6º ano fundamental, Alexandre Silva de Morais, é a mais nova promessa da vaquejada potiguar. O talento do garoto, de apenas 1.40 metro de comprimento, já é percebido nos parques onde participa ao lado do primo.

Segundo o pai dele, Aécio Costa Morais, o gosto pela vaquejada começou aos oito anos, em Jardim do Seridó. Incentivado pela família, Xande brilha como “bate-esteira” – o vaqueiro secundário que ajuda o primário, chamado de “puxador”, a derrubar o boi na faixa.

Atualmente, Xande já ganhou vários bolões de vaquejada ao lado do primo e em 2018 ficou em 7º colocação na vaquejada de Santa Luzia, na Paraíba. “Eles chegaram a colocar dois bois para dentro da faixa, levantando aplausos da vaqueirama. O povo bateu palmas e emocionou a gente. Tenho certeza que meu filho nasceu pra esse esporte e que vai fazer bonito por onde competir”, comemorou Aécio.

Neste ano, a próxima disputa de Xande deverá ser em abril, no parque Raimundo Melo, durante a vaquejada de Santa Luzia, na Paraíba. Atualmente, o pequeno vaqueiro possui uma égua e um cavalo da raça Quarto de Milha. Apesar dele ter sido convidado para integrar times de vaquejadas em outras cidades potiguares, o pai prefere preservar os estudos do filho e o manter no seio familiar.

Fonte: Agora RN