De máscara, Bolsonaro prestigia manifestação na frente do Planalto

0
50

Bolsonaro e ministros prestigiam ato de apoio ao governo em Brasília

Reprodução/Facebook

Presidente elogiou os manifestantes por não utilizarem nenhuma faixa que fosse contra a Constituição ou que atentasse contra a democracia

O presidente Jair Bolsonaro prestigiou na manhã deste domingo (17) a manifestação em frente ao Palácio do Planalto favorável a seu governo, em Brasília.

Ao lado de alguns de seus ministros, Bolsonaro elogiou o fato de não haver faixas antidemocráticas, como as que se viam em atos anteriores, contra o STF (Supremo Tribunal Federal) ou pedindo o fechamento do Congresso Nacional.

“Existe política com participação espontânea popular”, afirmou o presidente. “Nenhuma faixa, nenhuma bandeira que atente contra a nossa Constituição e contra o estado democrático de direito, nisso o movimento está de parabéns”, complementou.

Após assistir aos gritos de mito, buzinaços e música na porta do Planalto, Bolsonaro desceu a rampa para pegar uma criança que vestia farda do Exército no colo. Em seguida, aproximou-se mais dos apoiadores. Cumprimentou alguns e tirou fotos.

Horas antes de se posicionarem na porta do palácio, os manifestantes fizeram uma carreata que atravessou as ruas de Brasília.

Carreata de apoio ao governo atravessa as ruas de Brasília
Carreata de apoio ao governo atravessa as ruas de Brasília LEO BAHIA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

O presidente disse ainda que o governo federal “tem dado todo o apoio para atender às pessoas que contraíram a covid-19. “O Brasil com certeza voltará mais forte. O que nós queremos é resgatar os valores que formam nossa nacionalidade, respeita a família, ter uma a boa política externa. Tenham certeza que movimentos como esse fortalecem o nosso Brasil acima de tudo.”

Acompanham o presidente, todos de máscara, na rampa dez ministros, entre eles Onyx Lorenzoni (Cidadania), Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Marcos Pontes (Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações), André Mendonça (Justiça e Segurança Pública), Abraham Weintraub (Educação) e Bento Albuquerque (Minas e Energia). Também está presente o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), um dos filhos do presidente. Todos usam máscaras de proteção.

Nas faixas em frente ao Planalto há dizeres como “Nossa bandeira jamais será vermelha” e “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”. Há também manifestantes com Bandeiras do Brasil, além de Estados Unidos e Israel.

R7