Policial militar é morto a tiros em tentativa de assalto na zona Norte de Natal

0
89

Francisco Edmilson da Silva, de 52 anos, foi morto a tiros em tentativa de assalto na zona Norte de Natal — Foto: Reprodução.

Sargento ingressou na corporação no ano de 1992, passou pelo BPChoque e atualmente estava lotado no Batalhão de Operações Especiais (BOPE). Ele deixa a esposa e uma filha.

O policial militar Francisco Edmilson da Silva, de 52 anos, foi morto a tiros durante uma tentativa de assalto noite desta sexta-feira, 18, em Natal. O sargento da PM foi abordado por dois homens na saída do estacionamento do Carrefour na Avenida Salvador, no bairro Potengi, na zona Norte da capital. Francisco foi alvejado e chegou a ser socorrido e levado ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos. A polícia realizou patrulhamento no local, mas não localizou os suspeitos. O sargento ingressou na corporação no ano de 1992, passou pelo BPChoque e atualmente estava lotado no Batalhão de Operações Especiais (BOPE). Ele deixa a esposa e uma filha. O corpo foi levado ao Instituto Técnico e Científico de Perícia (Itep). O velório está previsto para acontecer a partir das 15h na sede do BOPE e o sepultamento acontecerá as 18h no Cemitério Morada da Paz da zona Norte. Em nota, a Polícia Militar do estado lamentou a morte do profissional de segurança pública. Leia a nota na íntegra: É com pesar, que a Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte comunica o falecimento do Sargento Francisco Edmilson da Silva. O Sgt F.Silva faleceu aos 52 anos de idade, nesta sexta-feira  (18), ao ser alvejado covardemente por criminosos em uma tentativa de assalto. O Policial ingressou nas fileiras da corporação no ano de 1992, tendo trabalhado no BPChoque e estava atualmente lotado no BOPE. Deixa esposa e uma filha. O velório está previsto para acontecer a partir das 15h na sede do BOPE e o sepultamento acontecerá as 18h no Cemitério Morada da Paz da zona Norte. A Polícia Militar lamenta a morte deste profissional de segurança pública, externando aos amigos, companheiros de trabalho e familiares, os nossos sentimentos de pesar.

Agora RN